● Gente ... do planeta.

                                                         Vandana Shiva



















(Física, ecofeminista e ativista ambiental da Índia.






O ser humano esqueceu-se que a água vem da chuva e a comida vem do solo. 
Passamos a acreditar que a água e nosso alimento são produtos de uma corporação. 
As empresas querem tomar o lugar da terra, esse sistema vivo ao qual chamo de Gaia. 
Elas não são criadoras, são exploradoras. 
É hora de perceber que tudo o que nos mantém vivos vem da terra e não das empresas”.

 “A sobrevivência da humanidade depende deste pacto que seria baseado numa nova visão de cidadania planetária. Um pacto baseado em reciprocidade, cuidado e respeito. 
Baseado em tomar e devolver, em dividir os recursos do mundo de maneira equitativa entre todas as espécies vivas. 
Ele começa quando se percebe o solo como uma entidade viva, a Terra Viva, cuja sobrevivência é essencial para todos nós. 
O futuro será cultivado a partir do solo, e não mais do mercado global de finanças fictícias, consumismo e pessoas jurídicas. 
Precisamos sair deste ponto de vista corporativo para outro que tenha o centro na família Terra. Onde quer que estejamos neste planeta, o solo é nossa base.

                                 A Terra é nossa casa. 

Nós precisamos recuperar isto da manipulação e da ganância das corporações  e
            cuidar disso, juntos”.



Foto de Elke Wetzig (Creative Commons).






Nenhum comentário:

Postar um comentário