Como sempre...




“Já faz tempo. E eu vi você na rua. Cabelo ao vento.
Gente jovem reunida. Na parede da memória. Esta lembrança.
É o quadro que dói mais...
Minha dor é perceber. Que apesar de termos feito tudo, tudo.
Tudo o que fizemos. Ainda somos os mesmos. E vivemos.
Como os nossos Pais...”

                                                            (Belchior)*



*: Antônio Carlos Gomes Belchior Fontenelle Fernandes (1946).
Cantor e compositor brasileiro.
Imagem:  ‘Passeata dos Cem Mil’ (26.06.1968, Rio de Janeiro). 
Manifestação popular contra a Ditadura Militar organizada
p/movimento estudantil.










Nenhum comentário:

Postar um comentário