Eu digo sempre, quando eles me procuram, que para mim literatura e vida são uma coisa só. 
(...) estou escrevendo para, entre outras coisas, mostrar ao Brasil uma imagem dele mesmo. 
Se não for a imagem real, se os políticos traírem essa imagem, 
eu pelo menos terei mostrado aquilo que o Brasil poderia ter sido e não foi. 
Eu tenho dito que um país que tem Os sertões pode ser dominado politicamente, 
pode ser aviltado, mas estará sempre a salvo. 
Você pode invadir a Espanha, mas enquanto existir o Dom Quixote 
a gente sabe o que é a Espanha verdadeira. 
Com Os sertões é assim também. (...) 

             um jovem pode ainda acreditar na literatura.”


                                                                             (Ariano Suassuna).












Nenhum comentário:

Postar um comentário