A Arte Naïf.
A Arte do pernambucano de Caruaru.
Ivonaldo Veloso de Melo (1943).
 


 
































 
 
 
 
 
 
 
 






Nenhum comentário:

Postar um comentário